sábado, 16 de agosto de 2014

Cachorro pode comer tomate?

Cachorro pode comer tomate? Rico em vitamina C e licopeno, o tomate é um fruto que traz inúmeros benefícios à nossa saúde. Mas será que os cães podem aproveitar os nutrientes desse alimento da mesma forma que o ser humano?


Cachorro pode comer tomate?
Cachorro pode comer tomate?

Da mesma família da berinjela, das pimentas e dos pimentões, o tomate é um fruto muito rico em nutrientes. Este legume, que frequentemente é classificado como fruta, é uma importante fonte de vitaminas A e C, e contém ainda um poderoso antioxidante chamado licopeno, capaz de reduzir o risco de doenças degenerativas e até de alguns tipos de câncer.

Por outro lado, o tomate pode não ser o alimento mais indicado para as pessoas que têm estômago sensível ou problemas relacionados a gastrite ou úlcera, pois pode causar irritação gástrica com maior facilidade. Resta saber se os cães podem assimilar os nutrientes do tomate da mesma forma que o ser humano, e se eles também podem sofrer os efeitos negativos do tomate se houver algum problema gástrico.

Cachorro pode comer tomate?


Sempre procuro comentar nos artigos sobre alimentação natural, que os cães não tem um sistema digestivo tão bem preparado quanto o nosso para digerir vegetais, incluindo as frutas, os legumes e os grãos. Os cães estão mais preparados para digerir proteínas e gorduras de origem animal, o que faz com que o sistema digestivo canino tenha que trabalhar mais para digerir carboidratos. Isso quer dizer que, quando falamos em alimentação natural para cães, as dietas são, em geral, elaboradas primariamente a base de carne, e os complementos vegetais representam uma pequena porção de cada refeição. Para entender melhor essa questão, leia o artigo O cão é um animal carnívoro ou onívoro?

Cachorro pode comer tomate?
Cachorro pode comer tomate?

No caso dos tomates, podemos dizer com segurança que não representam um risco à saúde dos cães se consumidos em pequenas quantidades, desde que estejam maduros. Portanto vamos responder a essa questão dizendo que sim, cachorro pode comer tomate, desde que estejam maduros e desde que sejam oferecidos em quantidade moderada.

Riscos do consumo de tomate por cães


Mas será que existe riscos para a saúde dos cães que consomem tomate? A verdade é que o tomate pode ser considerado um alimento seguro para o consumo canino, pois não apresenta toxicidade aos cães quando oferecidos maduros e sempre em boa condição de consumo. No entanto, os tomates verdes contêm um glicoalcaloide que apresenta um alto potencial tóxico para os cães. Assim como outros alimentos considerados apropriados para o consumo canino, é necessário que tenhamos cautela quando oferecemos esse fruto a um cachorro. Conforme explicado mais acima, o tomate deve ser oferecido maduro, em boas condições de consumo, e em pequenas quantidades, especialmente para os cães de menor porte.

Outro cuidado importante é nunca deixar o seu cão à vontade perto de uma horta que tenha tomateiros. Apesar de não ser uma planta especialmente atrativa para a maioria dos cães, se o seu cachorro acabar consumindo vários frutos de uma só vez ele pode passar mal. Os tomates verdes podem representar um grande risco a saúde do seu cão, portanto tenha cautela se você tiver um tomateiro em casa. Além disso, as folhas da planta também são tóxicas para os cães, assim como os frutos ainda verdes. Se o seu cão acabar acidentalmente ingerindo tomates verdes, ou uma grande quantidade de tomates de uma só vez, o mais recomendado é que você leve-o imediatamente para uma consulta veterinária. Somente o veterinário será capaz de determinar se há algum risco para a saúde do seu cão e qual é a gravidade da intoxicação. Os sintomas mais comuns de intoxicação por alcaloides são: diarreia, vômitos, salivação excessiva, sangramento gastrointestinal, úlcera, fraqueza, tremores, e nos casos mais graves, falta de coordenação, convulsões e dificuldade para respirar.

Para concluir, vamos explicar novamente de maneira resumida. Se o seu cão não apresenta alergia relacionada a esse alimento em particular, os tomates maduros são considerados seguros para o consumo canino, desde que sejam oferecidos em quantidade moderada. Por outro lado, as folhas do tomateiro e os frutos verdes contêm uma substância altamente tóxica para os cachorros, sejam eles de qualquer tamanho ou raça, e não devem ser oferecidos aos cães em nenhuma circunstância.


Importante: O conteúdo desse blog tem caráter meramente informativo, e em nenhuma circunstância, substitui a orientação de um veterinário, especialmente no caso de distúrbios de fundo alimentar, intoxicação, ou qualquer outra patologia relacionada à ingestão de alimentos ou outros produtos. Sempre que houver qualquer sintoma atípico com seu pet, leve-o imediatamente ao veterinário. Lembre-se que quanto mais cedo for diagnosticado o problema, maior a chance de cura.